Feed Rss



MARGEM CONSIGNÁVEL DO CRÉDITO CONSIGNADO

LINKS PATROCINADOS

Quando você vai fazer um crédito consignado o banco ou financeira verifica se você tem margem consignável e dependendo disto é que o empréstimo pode ou não ser liberado impactando também no valor máximo que poderá ser recebido. O problema é que nem todo mundo entende o que significa margem consignável.

O empréstimo com desconto em folha vem sendo muito usado por aposentados, militares e funcionários públicos federais, municipais e estaduais. E para conseguir empréstimos deste tipo é necessário ter margem consignável disponível. Atualmente esta margem consignável corresponde a 30% do seu salário líquido. O salário líquido é aquele que você realmente recebe depois que foram feitos todos os descontos.

Vamos imaginar que você tenha um salário bruto de R$ 1000,00 e depois de descontarem INSS, vale-transporte e outros, o salário líquido tenha ficado em R$ 860,00. Podemos então descobrir que 30% de 860,00 é R$ 258,00. Diante disto as prestações do seu crédito consignado não pode ser superior a R$ 258,00.

A maioria dos especialistas defendem a ideia de que não devemos comprometer mais que 30% do nosso salário com pagamento de prestações. O ideal mesmo é que você só comprometa 10% a 20% do salário com dívidas mensais. Quando você pede um empréstimo consignado a financeira verifica quanto é o limite de 30% do seu salário que pode ser comprometido com o pagamento de empréstimos. Existem bancos que oferecem planos que compram suas dívidas anteriores e liberam um novo crédito para você. O importante é pesquisar os bancos que oferecem as menores taxas de juros.


Se você gostou clique no botão . Para ser avisado quando novos conteúdos forem publicados cadastre seu e-mail clicando aqui ou assinar nosso feed. Compartilhe este artigo com seus amigos no Facebook, Twitter, Google e por e-mail:

LIVROS RECOMENDADOS:

Comentários